sábado, 31 de janeiro de 2009

Obama fala sobre as eleicoes no Iraque

Jozane Faleiro – Washington

Neste sabado, 31 de janeiro, milhares de iraquianos foram as urnas para eleger as 440 pessoas dos conselhos provinciais para 14, das 18 províncias que compõem o país. Mais de 14 mil candidatos estão na disputa e os resultados preliminares devem sair na proxima terca-feira, 3 de fevereiro.

Essa eleicao eh de suma importancia para a estabilizacao do Iraque, visto que o governo dos Estados Unidos estuda a retirada de suas tropas da regiao. Alem disso, funciona como uma previa para as eleições nacionais previstas para ocorrer no final deste ano, quando o governo do primeiro-ministro do Iraque, Nouri al-Maliki, aliado dos EUA, poderá enfrentar o maior partido xiita do país, o Conselho Supremo Islâmico Iraquiano. Al-Maliki disse que a grande adesao da população nessas eleicoes eh um sinal de progresso. "Isto dá uma imagem de confiança no governo, nas eleições e no direito das pessoas de fazer parte do processo democrático".

Seguranca
De acordo com agencias de noticias, no dia de hoje, nao foram contabilizadas ocorrencias graves. O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, por meio da assessoria de imprensa da Casa Branca, parabenizou iraquianos que participaram da significante eleicao desse sabado. “Milhoes de cidadaos iraquianos, de muitas etnias e grupos religiosos de todo o pais foram pacificamente as urnas para escolher um novo membro regional”, disse, apesar de pelos menos quatro candidatos terem sido assassinados nos ultimos tres dias, segundo agencias de noticias.

As eleicoes foram gerenciadas e organizadas pelo Governo Iraquiano com assistencia vital da Missao de Assistencia das Nacoes Unidas para o Iraque (United Nations Assistance Mission to Iraq). O presidente norte-americano aprovou as medidas de seguranca. “A policia e as forcas militares do Iraque ajudaram na seguranca nos locais de votacao e protegeram aos eleitores enquanto eles preenchiam suas cedulas. Este eh um importante passo para que continue adiante o processo para que o Iraque tome responsabilidade de seu futuro”, afirmou Obama. Ele tambem completou que os Estados Unidos estao orgulhosos em prover assitencia tecnica junto com as Nacoes Unidas e outras organizacoes internacionais, para a Alta Comissao Eleitoral Independente do Iraque – que realizou a eleicao profissionalmente, mesmo sob circunstancias dificeis.”

Os Conselhos Provinciais têm autoridade para negociar acordos empresariais em suas regioes especificas, alocar fundos e controlar certas operações de segurança locais, mas sem influência nos assuntos nacionais.

Por motivo de conflitos, nao ocorreu eleicoes nas três províncias do norte do país que compõem a região autônoma do Curdistão, Erbil, Dohuk e Suleimaniya; e na companhia petrolífera da Província de Kirkuk, disputada por curdos, árabes e turcomanos.

Nenhum comentário: